terça-feira, 6 de novembro de 2007

O medo.


Todos nós sabemos o que é ter medo. Todos nós temos ambições e sofremos desilusões. Todos vivemos de preocupações que se vão sucedendo. Todos sabemos que a vida não se repete e que para todos, todos os que estamos ali naquele preciso momento, por exemplo, mais tarde ou mais cedo - aquilo que nós chamamos Vida, sem saber bem o que dizemos - vai acabar.


Pedro Paixão

3 comentários:

neu_zita disse...

Olá amigo.
Imagina lá onde estive este fim-de-semana! Melhor ainda... imagina em que quarto dormi! Raios partam aquela cama (ahahahahahah).
Matei as saudades por ti ;)
Beijos e abraços coloridos, animadores, motivadores, sorridentes... está quase aí o Natal ;)

clau disse...

Gosto de ler Pedro Paixão, talvez porque nos faz pensar nas questões mais simples da forma mais simples possível.

Obrigada pela visita ao meu cantinho.*

Hydrargirum disse...

A realidade é deprimente, não é?:(